No sexo com intimidade tudo importa e exatamente por isso tem tanta coisa pra perceber que o supérfluo deixa de existir.

+18

Sexo sem intimidade é aperto de mão (+18)

No sexo com intimidade tudo importa e exatamente por isso tem tanta coisa pra perceber que o supérfluo deixa de existir.

Intimidade é conexão. Pode demorar um segundo pra aparecer ou uma vida inteira de tentativas. Tipo um olhar numa balada indie, tipo um arrepio no toque de um antes-só-amigo. É, ao mesmo tempo em que substantivo, a ação mais importante que existe – ninguém toma a tal da atitude: é o universo que coloca as peças naqueles papeis. Intimidade é obra do destino.

Intimidade é aquilo que faz de dois um, quando nem se sabe o nome ou quando a tampa e a panela já se conhecem há tempos, mas nunca tiveram um encaixe tão perfeito. Intimidade não tem cronômetro ou linha de chegada. Não é prova de resistência e ninguém está jogando. Está mais pra loteria.

Sexo com intimidade é aquele que faz o mundo sumir. É sentir que você não está apenas sem roupa, mas se despiu dos medos, da vergonha, das fantasias, do peso na consciência pela barra de chocolate de logo cedo. É conexão com o outro, com o corpo, com a mente.

Sexo com intimidade é diferente de sexo de rotina. Não é conhecer o outro há tempos e, por isso, não se importar. No sexo com intimidade tudo importa e exatamente por isso tem tanta coisa pra perceber que o supérfluo deixa de existir.

A energia não se exaure, o brilho não apaga nem quando o zíper se fecha. Sexo com intimidade é noite tranquila porque descanso definitivo.

Quando o sexo é sem intimidade, você deita na sua cama pra dormir e sente que não transou. O vazio continua e a exaustão do corpo é inversamente proporcional à inquietação na alma. É aí que surge o pensamento que é pai de todos os arrependimentos: “será que eu devia ter feito isso?”.

Sexo sem intimidade é quando o sentimento de cansaço é o mesmo da academia sem a certeza de que aquilo fez bem. Dá vontade de chorar, de sair correndo. A falta de intimidade faz querer voltar no tempo pra fazer diferente.

Sexo sem intimidade é orgasmo. Sexo com intimidade é prazer.

Sexo sem intimidade é um aperto de mão num desconhecido. No dia seguinte, cada um segue a sua vida em direção a um lado da calçada. Sexo com intimidade é um abraço apertado no momento em que você mais precisa e menos espera: uma lembrança bonita pra sempre.

(Source: Marina Melz)

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top